sexta-feira, 30 de julho de 2010

Queniano é condenado a 14 anos de prisão por relações sexuais com burro.


O queniano Stephen Kipkemoi Rono, 30, foi condenado a 14 anos de prisão nesta quinta-feira por ter mantido relações sexuais com um burro.

Após mostrar seu arrependimento, o queniano alegou que tinha sido enganado pelo diabo e que, desde que sua mulher o abandonou para se casar com outro homem, ele sofria uma carência de relações sexuais. 

Rono, pai de dois filhos, se declarou culpado perante a corte de ter mantido ato antinatural com o animal --prática proibida no Quênia, indicou a rádio Capital FM, em seu site. 

"Em 22 de julho, na localidade de Tebeswet, no distrito de Narok Sul, (Rono) manteve relação carnal com um animal, concretamente um burro, algo que vai contra a ordem da natureza", assinalou a emissora.

Rono tem 14 dias para realizar uma apelação contra a sentença.

Comentário do @oemergente
UFA... Pensei que o Dunga estivesse metido nisso.

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Blog Archive

_________________________________

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Santos profanos © 2008. Template by Dicas Blogger.

TOPO  

Real Time Web Analytics